MFM do Brasil - Manômetros e Vacuômetros

Olá visitante

 (0)

Login / Registre-se

Pressão - Conceitos e Definições

DEFINIÇÃO

Fisicamente, a pressão está definida como a razão da força normal (Fn*) que age numa superfície de área (A). * Força normal é a força que atua perpendicularmente à área. fração-pressão

UNIDADES

A unidade de pressão é obtida da razão das unidades de força e área, estas por sua vez, derivadas das unidades básicas de comprimento, massa e tempo no SI, a unidade de força vem a ser m.kg/s², indicada em newton (1N = 1 m.kg/s²) e a unidade de área .

Portanto, a unidade de pressão é N/m², o qual é chamado de Pascal, cujo símbolo é Pa. Seus múltiplos mais usados são quiloPascal e megaPascal, respectivamente kPa e MPa.

O quilograma-força por centímetro quadrado (kgf/cm²), unidade obsoleta, foi substituído pelo bar de símbolo bar 5 (1 bar =10 Pa= 1,02 kgf/cm²).

Para baixas pressões, substitui-se o torr pelo milibar (mbar).

Na quase totalidade dos países, o uso das seguintes unidades são legalmente permitida:

UNIDADE

SÍMBOLO

Pascal

Pa

quilo Pascal

kPa

mega Pascal

MPa

bar

bar

milibar

mbar

 

Algumas unidades suplementares, formadas arbitrariamente, poderiam em princípio, ser empregadas. Unidades semelhantes às citadas deveriam, contudo, ser evitadas sempre que possível, no interesse da compreensibilidade e intercambialidade internacionais.

As unidades de pressão podem ser divididas em três grupos:

- Unidades de pressão, propriamente ditas, que se baseiam na definição fração-pressão.

- Unidades de carga de pressão: indicadas por uma unidade de comprimento seguida da denominação do fluído que produziria a carga de pressão (ou coluna) correspondente à pressão dada.

Existe uma correspondência biunívoca entre pressão (P) e altura (h), através do peso específico do fluído (p), assim: P =p.h

Exemplo: 5 mca correspondem a 5m x 1000 kgf/m³ = 5000 kgf/m² (onde 1000 kgf/m³ é o peso específico da água).

- Unidades definidas: entre essas destaca-se a unidade atmosfera (atm) que, por definição, é a pressão que poderia elevar de 760mm uma coluna de mercúrio.

 

ESCALAS

Se a pressão for medida em relação ao vácuo ou zero absoluto, é chamada "pressão absoluta"; quando for medida adotando-se a pressão atmosférica como referência é chamada "pressão efetiva". A escala de pressões efetivas é importante, pois praticamente todos os aparelhos de medida de pressão (manômetros) registram zero quando abertos à atmosfera, medindo, portanto a diferença entre a pressão do fluido e a do meio na qual se encontram. Se a pressão for menor que a atmosférica costuma ser chamada impropriamente de vácuo e mais propriamente de depressão; é claro que uma depressão na escala efetiva terá um valor negativo. Todos os valores da pressão na escala absoluta são positivos. A figura a seguir mostra esquematicamente a medida da pressão nas duas escalas, a efetiva e a absoluta.

O PONTO ZERO NA ESCALA DE PRESSÃO

O Sistema Internacional SI tem definidas as unidades de pressão, mas não definiu a posição do ponto zero para medição de pressão.

Todas as unidades já mencionadas podem ser usadas para medição da pressão absoluta, excesso, redução ou diferencial. A posição do ponto zero para os variados tipos de medição de pressão é indicada da seguinte forma:

MEDIÇÃO

DEFINIÇÃO DO PONTO ZERO

Pressão Absoluta (Pabs)

Vácuo Completo

Sobrepressão (positiva ou negativa) (Pe)

Igualdade das pressões do processo e circunvizinhas

Pressão Diferencial (Δp)

Equalização de duas medidas de pressão

 

 
Manômetro 1,5 (40MM) - Aço Carbono - Angular Traseira
 
Manômetro 1,5 (40MM) - Aço Carbono - Angular Traseira Com Garra Para Fixação
 
Manômetro Capsular 2,5 (63MM) - Aço Carbono - Reto
 
Vacuômetro 1,5 (40MM) - Aço Carbono - Angular Traseira